Sindsep participa de atividade ao lado do Sintema

UFMA

O Sindsep/MA e o Sintema, realizam hoje, 9 de maio, no Hall do Prédio Castelão, a partir das 9h, uma atividade na Universidade Federal do Maranhão (UFMA), que terá como pauta a participação da categoria na Greve da Educação, marcada para o próximo dia 15, e também para discutir a Medida Provisória 873/2019, que trata da contribuição sindical.

A Greve da Educação é uma resposta aos ataques à educação pública, que no dia 29 de abril, sofreu um duro golpe com o anúncio de contingenciamento de 30% dos recursos destinados para as universidades federais e Ifes.

O que chama atenção na decisão do Governo, é que o decreto foi editado após reações críticas aos cortes de verbas de três universidades que tinham sido palco de manifestações públicas: a Universidade de Brasília (UNB), a Universidade Federal Fluminense (UFF) e a Universidade Federal da Bahia (UFBA).

Na ocasião, em entrevista ao jornal “Estado de S. Paulo”, o ministro da Educação comentou o corte de verbas na UFF, UFBA e UNB: “Universidades que, em vez de procurar melhorar o desempenho acadêmico, estiveram fazendo balbúrdia, terão verbas reduzidas. A lição de casa precisa estar feita: publicação cientifica, avaliações em dia, estar bem no ranking”, disse sem esclarecer quais rankings.

É necessária a mobilização de toda a base da educação neste momento crítico que o país está atravessando. Por isso, é importante a presença de todos os servidores da UFMA nessa atividade que será realizada hoje.

IFMA

 O Sindsep/MA também convoca todos os servidores do IFMA para participarem da Greve da Educação, no próximo dia 15 de maio.

Na última segunda-feira, 6, o IFMA se vestiu de “preto” em sinal de luto aos desmandos do desgoverno Bolsonaro, que atinge de forma irresponsável a educação, principalmente a educação superior, com os cortes de 30% dos orçamentos das universidades federais e IFES.

Compartilhe!