Trabalhadores realizam grande ato contra os cortes na educação e contra a Reforma da Previdência

Ontem, 30, Sindsep/MA, CUT, centrais, sindicatos, estudantes, professores, profissionais da educação e a sociedade civil organizada, realizaram um grande ato contra os cortes na educação, anunciados pelo ministro Abraham Weintraub e contra a reforma da Previdência do governo de Jair Bolsonaro (PSL), rumo à greve geral do dia 14 de junho.

Foto de Nielsen Furtado

Os atos aconteceram em todo o Brasil, e foram convocados pela União Nacional dos Estudantes (UNE), que é veementemente contrária ao projeto de país de Bolsonaro, que quer destruir a educação e a aposentadoria, acabar com o patrimônio público, as empresas estatais e destruir movimentos sindical.

Em São Luís, a concentração da mobilização aconteceu na Praça Deodoro, de onde saíram em caminhada até a Praça dos Catraieiros, na Praia Grande, onde aconteceu o encerramento da atividade.

 As atividades também aconteceram em outras cidades do interior do Maranhão, como Bacabal (Praça Silva Neta), Pinheiro (Praça Centenário) e Timon (Praça São José).

No Diário de segunda-feira, 03, serão repassadas mais informações sobre as mobilizações realizadas nesta quinta.

Greve Geral

E já tem atos rumo a greve geral do dia 14 de junho confirmados em 24 capitais, no Distrito Federal e mais de 150 cidades das Regiões Metropolitanas e do interior dos estados, segundo levantamento feito pelas CUTs estaduais e pela UNE.

Com informações repassadas pela CUT.

Compartilhe!